FREELOG - Bonne année 2017

 

2017 se apresenta ainda como um ano de riscos e oportunidades:

  • Aumento do protecionismo que exigirá uma adaptação das grandes empresas multinacionais, principalmente nos Estados Unidos e Reino Unido/Europa
  • Aumento dos riscos migratórios, tanto ambientais como econômicos
  • Aumento das taxas de juros, se traduzindo por exigências mais elevadas no retorno esperado dos investimentos
  • Aumento da volatilidade dos mercados

Com todos esses pontos contribuindo para manter uma situação de instabilidade, nós devemos – antes de mais nada – aumentar nossa agilidade.

Nesse sentido, nossa capacidade de inovar para mitigar e gerenciar esses riscos é um forte traço de diferenciação.

Temos também a oportunidade de participar no desenvolvimento de novos modelos de colaboração internacional, mais coincidentes e orientados aos aspectos sociais e ambientais.

Para tanto, a Freelog Lab – que criamos há 2 anos – continua no centro das inovações que desejamos propor aos nossos clientes.

Mesmo avançando rapidamente em nossa capacidade de tomada de decisão ligada ao “Big Data” e ao “Machine Learning”, nos resta consolidar formas disruptivas para conduzir a transformação dessas iniciativas de colaboração, principalmente no atual cenário de instabilidade.

Assim, teremos ainda nesse ano diversas coisas interessantes em perspectiva para melhorar a sua performance.

staff-jean-francois

 

Jean-François Michel, Freelog CEO